Dicas - Mármores e Granitos

 



Os Granitos são rochas ígneas basicamente formados por feodsfato (minério que define a cor da rocha) e quartzo, esses materiais se enquadram na resistência 06 e 07 na escala de mohs respectivamente.

   

 


Os Mármores são rochas metamórficas de origem sedimentar formados principalmente pelos minérios Calcita e Dolomita que na escala de mohs de 0 a 10 se enquadra no 03. Para termos como referência o ferro tem ressistencia 05.


Uma forma pratica para diferenciar o Mármore do Granito é pegar um prego (ressistencia 05) tentar arranhar a pedra, se arranhar ele é um mármore (dureza 03) e se não conseguir riscar a pedra ele é um granito (dureza entre 6 e 7).

 

Qual Material Usar?

Sugerimos por motivos de durabilidade os:

 

Granitos: Para revestimentos de pisos e escadas de alto trafego, pias, balcões, lavatórios para uso intenso ou para uso residêncial, revestimentos para fachadas, bordas para banheiras, lareiras, soleiras, rodapés, peitoris, bancadas em geral, revestimento para fornos e aparadouros.

 

Mármores: Revestimentos de pisos e escadas de baixo trafego (residêncial), soleiras e peitoris (residencial e sem exposição ao tempo), lavatórios para uso residencial, bordas de banheira, aparadouros, revestimento para lareiras, rodapés, mesas e revestimento de paredes internas.

MANUTENÇÃO

 

Devido às suas características naturais, todo mármore e granito sofre desgaste com o uso e está sujeito a alterações em sua aparência decorrentes do uso, contato com o meio, agressão sofrida por agentes externos e manutenção.Em geral os granitos são rochas mais compactas e duras que os mármores, e por sua resistência são mais recomendados para locais de uso intenso. Tanto o mármore quanto o granito são porosos, alguns em maior grau, outros em menor grau, dependendo de sua composição

Tais desgastes e alterações na aparência são inevitáveis, porém uma correta manutenção ajuda a prolongar a beleza natural da pedra. As sugestões que damos não evitam que a pedra mude sua aparência devido ao tempo e ao uso, mas ajudam a minimizar tais efeitos.

 

CUIDADOS NA PRIMEIRA LIMPEZA

Assim que um produto é instalado, podem ficar na pedra respingos da massa utilizada em sua fixação. Se isto ocorrer, estes podem ser facilmente removidos com o uso de uma lã de aço, com muito cuidado para não arranhar a pedra. Lembramos que a lã de aço só deve ser usada na pedra seca, e após seu uso todos os restos desta devem ser completamente removidos antes de continuar a limpeza. Cuidado ao usar lã de aço, seus restos devem ser imediatamente retirados, pois em contato com a água podem oxidar e manchar a pedra.

 

DICAS DE LIMPEZA

Os mármores e os granitos por normalmente ter a face polida é de facil limpeza, se a sujeira for fina como por exemplo a poeira do dia-a-dia pode-se ser removida por um pano macio humedecido, se as particulas forem maiores recomenda-se usar antes uma vassoura macia.

Se for necessario lavar utilizar somente água diluida em shampoo/detergente de pedra ou sabão/detergente de ph neutro.

 

IMPORTANTE:

01- Jamais use na limpeza de mármores e granitos produtos abrasivos ou com princípio ativo forte, tais como sapólio, água sanitária, amoníaco, hipocloreto de sódio, soda cáustica, querosene ou ácidos (ácidos citrícos como de limões por exemplo). Eles podem danificar permanentemente a sua pedra.

02 -Pela natureza porosa das pedras, mármores e granitos estão sujeitos a manchas. Cuidado com refrigerantes, óleos em geral, vinho, ferrugem, produtos com corantes fortes, pois podem manchar sua pedra até de forma irreversível.

03-Pisos de Mármores e Granitos devem ser limpos assim que possivel pois a areia que esta no chão pode vir a arranhar o material com o trafego de pessoas.

 

 


Armação e Solução - Rua Industrial, 59 - São Bernardo - Santa Bárbara MG